A banda britânica VEERS revela ao mundo o encanto de sua música em “Belt The Sea”. Embora a canção seja classificada como rock alternativo, ela é repleta de influências do pop rock. Notas vibrantes e alegres criam uma atmosfera pulsante em cada acorde da composição musical. Os arranjos de violão, guitarra, teclado e baixo convergem para um único objetivo, proporcionar conforto aos ouvintes.

A bateria, por sua vez, confere a solidez necessária à obra, permitindo que tudo flua com harmonia e se entrelace à voz do talentoso vocalista, que oferece sua melhor performance dentro do conceito artístico da banda. A sinergia entre os instrumentos e o vocal resulta em uma experiência auditiva que é ao mesmo tempo inovadora e familiar, capturando a essência do que a VEERS se propõe a ser.