Terrorsphere está confirmado na segunda edição do festival Death Machine em Arapongas, PR

A banda londrinense de Death Metal Terrorsphere, uma das forças do Metal extremo do Sul do país, é uma das escaladas para o festival Death Machine, que chega a sua segunda edição no município de Arapongas, Região Metropolitana de Londrina, no Paraná.

A banda formada por Werner Lauer (vocais, contrabaixo), Francisco Neves, Udo Lauer (guitarras) e Victor Oliveira (bateria) continua a promover seu elogiado EP “Blood Path”, lançado em 2016 e que apresentou o Death Metal cadenciado e agressivo da banda para o grande público. Mas o Terrorsphere já está em processo de criação de seu primeiro full-length e promete apresentar algumas de suas novas composições no festival Death Machine; dentre elas a que foi recentemente disponibilizada, “Shadows Of Atrocity”.

Além do Terrorsphere, as outras atrações do festival Death Machine são as bandas Christophobia (Black Metal, Jandaia do Sul/PR), Putrefação Cadavérica (Death Metal/Splatter, Maringá, PR), Hereticae (Death/Black Metal, Arapongas/PR), Kaosfera (Thrash Metal/Crossover, Arapongas/PR) e Purple Head (Tributo ao Deep Purple, Londrina/PR). O festival tomará lugar no Galpão Cultural G1 no dia 21 de janeiro, domingo, a partir de 17:00. Os ingressos custam R$10,00 (antecipado) e R$15,00 (portaria).

SERVIÇO
TERRORSPHERE NO SEGUNDO DEATH MACHINE, EM ARAPONGAS/PR

Data: 21 de janeiro
Horário: 17:00
Local: Galpão Cultural G1. Rua Jandaia, nº 300, Arapongas/PR.
Entrada: R$10,00 (antecipado), R$15,00 (na portaria)
Link do evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/2055093281442556/

TERRORSPHERE É FORMADO POR:
Werner Lauer – vocais, contrabaixo
Udo Lauer – guitarras
Francisco Neves – guitarras
Victor Oliveira – bateria

MAIS INFORMAÇÕES:
Facebook: https://www.facebook.com/terrorsphere/
Roadie Metal Press: https://roadie-metal.com/press/terrorsphere/

 

Compartilhe:

Tags

Sobre: Bruno Rocha

Bruno Rocha

"Cearense de Caucaia, estudante e professor de Matemática, cafélotra e torcedor do Ferroviário. Desde a adolescência caminha nas veredas da música pesada e desde então é um aficionado e pesquisador de seus diversos gêneros e épocas. Tem preferência pelo Doom Metal, mas ama Depeche Mode e flutua facilmente de Burzum a Kraftwerk, passando por Stratovarius e por Genival Santos. Também atende pela Blitz Metal e pela Epicus Doomicus Metallicus."

Você talvez também goste...

Comentários

Inscreva-se em nosso Feed

Esteja atualizado com tudo que acontece na cena Rock/Metal!

Siga-nos!

Comentários Recentes

Siga-nos os bons!