SEVENDUST começou a trabalhar em material para o sucessor do álbum “Blood & Stone” de 2020. Hoje cedo, a mídia social oficial do SEVENDUST foi atualizada com algumas fotos das contas do Instagram do guitarrista Clint Lowery e do cantor Lajon Witherspoon , e foi acompanhada pela seguinte mensagem: “As sessões de composição do próximo álbum começaram… meninos estão trabalhando duro! #sevendust“.

Fonte: https://www.facebook.com/sevendustofficial?fref=nf

No mês passado, SEVENDUST lançou uma edição digital expandida de “Blood & Stone” . “Blood & Stone Deluxe” continha cinco novas faixas, incluindo três remixes nunca antes lançados e duas músicas recém-gravadas. Jake Bowen do PERIPHERY , Richard Wicander do FIRE FROM THE GODS e Justin deBlieck , ex- ICE NINE KILLS , forneceram remixes e a banda terminou de gravar “All I Really Know” e “What You Are” especificamente para este lançamento. “Blood & Stone Deluxe”e foi produzido por Michael “Elvis” Baskette .

Witherspoon disse à Audio Ink Radio sobre o processo de gravação de “Blood & Stone” : “Sinto que crescemos não apenas como artistas, mas como homens, pessoalmente. Sinto que somos experientes, se isso faz sentido. Talvez estejamos como um vinho velho. Tivemos tempo para nos conhecer de verdade. Somos irmãos. É fácil para nós quando estamos no estúdio. É como uma máquina bem lubrificada, quando voltamos lá. Isso é onde a mágica acontece, é quando estamos olhando um para o outro. Isso sempre me lembra de quando nos encontramos pela primeira vez, sempre que nos reunimos, desde que estivemos juntos. É só porque há uma certa luz que se acende . Sempre foi ótimo ter isso.

Witherspoon também falou sobre a longevidade do SEVENDUST , dizendo: “Você não pode se chamar de banda só porque você tem um grupo de pessoas juntas. Eu acho que é um grupo. Eu sinto que você tem que ter uma banda quando você passa por muitas coisas juntos, não apenas os bons, mas os maus momentos. Vocês viram a vida juntos. Vocês viram a morte juntos. Vocês se ajudaram. Vocês fizeram tudo esse tipo de coisa nos últimos 25 anos, e é por isso que posso dizer que estou muito orgulhoso de estar no SEVENDUST , a banda, não no SEVENDUST  o grupo.

Ele continuou: “Existem algumas bandas por aí – há muitas bandas por aí – e há muitos grupos. Acho que é preciso coragem. Acho que é preciso compaixão. Acho que é preciso algum respeito. Tratar uns aos outros da mesma forma, como o que estamos tentando fazer no mundo hoje, sinto que isso é algo que nos mantém juntos. Não é um cara com uma Ferrari e outro cara com um Hyundai, que são bons carros também. Apenas dizendo no esquema das coisas. Então, acho que é algo que nos manteve juntos também, é que nenhum cara está melhor ou se sentindo melhor. Quando entramos em uma sala às vezes, parece que, embora sejamos homens mais velhos, ainda sinto que somos aqueles garotos que estavam na sala de gravação, imaginando, como vamos pagar o aluguel do mês? Que show vamos fazer? E é uma sensação boa se sentir feliz depois de todos esses anos. “

Encontre sua banda favorita