Roadie Metal Cronologia: The Rolling Stones – Their Satanic Majesties Request (1967)

by Daniela Farah

Toda banda tem aquele momento na carreira em que resolve optar pelo experimentalismo – O que 90% das vezes é um tiro no pé – seja por vontade própria ou por puro Marketing. Experimentar dentro da sonoridade da banda é válido e recomendável, ainda mais nos anos 60, mas destituir toda uma identidade sonora de uma banda apenas por fins mercadológicos nunca funcionou, como nos mostra a história.

Their Satanic Majesties Request começou a ser produzido em fevereiro de 1967, no Olympic Sound Studios, em Londres. As fotos ficaram por conta de Michael Cooper, no dia 14 de setembro, em um estúdio de Nova York. O álbum foi lançado em dezembro de 1967 pela London Records e alcançou o segundo lugar na lista da Billboard e o terceiro na lista do Reino Unido. É importante dizer que durante esse ano de 1967, os Stones enfrentaram alguns problemas, como a prisão de Keith e Mick, que afetaram a produção do novo álbum. Em entrevistas póstumas, os dois comentaram que estavam sob efeito de muito ácido.

Their Satanic Majesties Request é um desses casos bizarros em que já nos primeiros segundos você se pergunta que diabos é isso? Há algumas músicas que se salvam, mas não é o caso de Sing This All Together, que soa como uma cópia mal feita do The Beatles, inclusive tendo a presença dos próprios Paul McCartney e John Lennon no coro. Aliás, aqui reside a maior crítica em cima desse álbum, que ele remete muito ao Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band, disco que saiu em maio/junho do mesmo ano. Há muitas referências a esse disco, começando pela capa. Cooper havia feito as fotos dos Beatles três meses antes. Até então os Stones tinham bebido lindamente da fonte do blues.

Não dá para dizer que Citadel é a cara dos Stones, mas é uma das que mais se aproximariam. Os riffs do início e o vocal um pouco fora do tom, já reflete algumas das características da banda. In Another Land é uma viagem. O vocal foi feito pelo Bill Wyman, e é quem também assina a composição. Lá perto dos três minutos, começa uma sessão de roncos, que vai até o fim da música. “A ideia para a música é sobre esse cara que acorda de um sonho e se encontra em outro sonho.”, disse Bill. Não é exatamente uma música ruim, só não carrega a marca dos Stones. 2000 Man é um dos pontos altos do álbum, e inclusive, chegou a ser regravada pelo Kiss anos depois. Sing THis All Together (See What Happens) começa com riffs bem trabalhados e é claramente uma experimentação instrumental como o nome diz. Aliás, pouco mais de oito minutos de criatividade.

She´s A Rainbow é uma música muito interessante. Tem aquela pegada dos anos 60 e representa muito bem alguns valores do movimento hippie, com liberdade, cores, natureza e, claro, alucinógenos. Os arranjos ficaram por conta de John Paul Jones, e ela chegou a ficar em 25º na lista da Billboard. “Quando escrevi pela primeira vez, e quando o fizemos pela primeira vez, acho que Mick e eu pensamos sobre isso como uma caixa de música. Quando você começa a tocar no palco, é outra música. E eu percebo que há mais na música do que eu pensava.”, disse Keith Richards sobre She´s A Rainbow.

The Lantern é a que mais traz a influência do blues do álbum todo. Ela tem os riffs mais pesados e é um pouco mais lenta. Talvez a com mais cara de Stones de Their Satanic Majesties Request. Gomper tem uma influência indiana muito forte e entra na lista de músicas desse disco que entraram tanto na linha da psicodelia que passaram ela.Com um começo extremamente dramático/operístico 2000 Light Years from Home é uma grande supresa e um oásis. Tem psicodelia, tem mellotron com Brian Jones e Bill no sintetizador, porém tem cara de Rolling Stones. Ou melhor, tem a qualidade musical que eles haviam apresentado até então e pela qual são plenamente reconhecidos. O que dizer de On with the Show?

The Rolling Stones – Their Satanic Majesties Request
Data de Lançamento: 08/12/1967
Gravadora: London Records

Tracklist:
1. Sing This All Together
2. Citadel
3. In Another Land
4. 2000 Man
5. Sing This All Together (See What Happens)
6. She’s a Rainbow
7. The Lantern
8. Gomper
9. 2000 Light Years from Home
10. On with the Show

Formação:
Mick Jagger – vocais, backing vocals, sintetizador
Keith Richards – guitarra, baixo, backing vocals
Brian Jones – percussão, flauta, saxofone, trompete, sintetizador, guitarra, mellotron
Bill Wyman – baixo/backing vocals, vocal In Another Land
Charlie Watts – bateria, maracas, cymbals

Participações:
John Lennon & Paul McCartney – backing vocals em Sing This All Together
John Paul Jones – Arranjo de cordas em She’s A Rainbow
Nicky Hopkins – piano

You may also like

EnglishItalianJapanesePortugueseSpanish