A MAP OF ALL OUR FAILURES, foi lançado no dia 15 de Outubro de 2012, sendo o décimo primeiro álbum da banda.

Particularmente, achei um álbum pesado e denso, com letras tristes e reflexivas para um lado negativo, diria que algumas assustadoras, lembrando toda a seriedade de um funeral.

A voz de Aaron Stainthorpe, sempre sombria e em algumas faixas chega a ser melancólica, as guitarras dão ênfase em toda essa tristeza não deixando nenhum espaço para pensar coisas boas e positivas.

A faixa título 5 A MAP OF ALL OUR FAILURES onde se deu o nome do álbum, começa com boas guitarras e bateria ao fundo e o vocal como se tivesse conversando com ele mesmo, pedindo socorro, implorando ajuda.

Inclusive o álbum todo vem numa pegada extremamente melancólico, onde desperta os seus sentimentos mais profundos e obscuros porém com harmonias incríveis, mesmo não sendo fã do estilo Doom Metal é preciso reconhecer a grandiosidade do álbum.

Vale ressaltar que desse álbum foi feita uma edição limitada com DVD e uma faixa bônus : My Faults Are Your Reward.

Tracklist:


1. Kneel Till Doomsday
2. The Poorest Waltz
3. A Tapestry Scorned
4. Like a Perpetual Funeral
5. A Map of All Our Failures
6. Hail Odysseus
7. Within the Presence of Absence
8. Abandoned as Christ

My Dying Bride:

Aaron Stainthorpe – vocal

Shaun Macgowan – teclados  e violinos

Andrew Craighan – guitarras

Hamish Glencross – guitarras

Lena Abé – baixo

Encontre sua banda favorita