Representantes do metal de Praga, República Tcheca, o Night Before the End nasceu em 2009 com proposta muito boa de fazer música pesada. O primeiro registro, conforme as plataformas digitais, foi em “Tears On A Pillow” (2015). A partir daí, o público passou a conhecer o estilo hardcore melódico de Alexey Ryazanov (vocal), Antonin Honzík e Alexandr Gurov (guitarras), Anton Ermakov (baixo) e Jan Vašák (bateria). Quase três anos depois, o quinteto lança a música “Pilot of the Bomber” (2018) com a mesma pegada de antes, porém mais complexa. Ano passado, regravaram o primeiro single como versão acústica, mas neste ano replugaram seus instrumentos para a chegada de “Clerks Are Going Mad”.

O lançamento da Rezzo Records, nos mostra um pouco mais da evolução da banda durante esses anos. O som, bem mais maduro do que quase dez anos atrás, é fruto de muita dedicação pela cena musical, embora em seus primeiros trabalhos já se percebia grande qualidade. Em “Clerks Are Going Mad”, as linhas de guitarra transitam com toda fluidez gerando peso e contribuindo para a melodia. Bases que podem causar torcicolo nos fãs e solos redondinhos sem frituras, contrastam no som, mas o respeito pela harmonia é sempre buscado.

O estilo de cantar em modo gutural, ao mesmo tempo em que muda para vocais limpos, é realmente impecável, pois as duas formas sempre encontram bons encaixes para mostrarem seus poderes. Se, por um lado o gutural representa agressão e energia bruta, por outro lado vocais limpos representam a frieza, comoção e magia. Assim, a título de sonoridade, ouvimos em “Clerks Are Going Mad” um paradoxo que, embora divergente, contribui para a versatilidade da banda. Os fãs de estilos mais atuais como emocore já podem aplaudir, assim como a galera que busca no groove metal uma saída para a sua rotina.

E por falar em saída de rotina, o videoclipe da canção, disponibilizado no YouTube, retrata isso com facilidade. Em ambiente de trabalho, observam-se os caras da banda como trabalhadores em um escritório onde, cansados da rotina, se revoltam e começam a quebrar tudo. A música, que versa sobre perda de controle, sentimento explosivo, cansaço psicológico etc., ganhou sua versão em clipe com produção de Danil Lukin da Kerbys Production. Se você se identificou com algo na música, a receba como sua trilha sonora, mas cuidado! Não vá sair quebrando coisas por aí de forma gratuita, recomendo apenas curtir o som e relaxar batendo cabeça.

Ouça “Clerks Are Going Mad” pelo Spotify:

Visite o site oficial da banda:

https://nbte.cz

Encontre sua banda favorita