Os canadenses do Heteromorphic Zoo estão de volta com a atmosférica e pesada Avatara.

Com uma introdução atmosférica que te convidam para uma viagem e vocais sombrios a música logo mostra seu lado mais agressivo com guitarras pesadíssimas, mas sem perder o lado melódico e cativante.

A banda mesmo definiu esse som como algo mais contemplativo e melódico. Os belissimos arranjos de violino de Megan Ash impressionam e trazem uma beleza que misturada com a angústia das linhas de vocal tornam a música muito especial.

Progressiva, Djent, melódica e com pitadas de death metal, Avatara agrada desde fãs de metal extremo até aqueles que preferem algo mais melódico. A banda mostra mais uma vez que continua no caminho certo. Confira!