Pela primeira vez em 40 anos, Glenn Hughes está apresentando os clássico da época de Deep Purple, concentrando-se principalmente em seu tempo como parte da formação MKIII e MVIV da banda. A turnê teve inicio na Austrália e na Nova Zelândia e os relatórios indicaram que o “Voice of Rock”, como ele é conhecido por seus fãs, ficou doente em Christchurch, Nova Zelândia, durante a noite de terça-feira (26 de setembro), reduzindo o set do show.

O incidente foi comentado nas redes sociais pelos presentes. Um fâ, Nick King, postou sobre o incidente no Facebook. King declarou que Hughes “parecia não está muito bem de saúde”, enquanto cantava, “Come Taste the Band, “Gettin ‘Tighter”, Também comentou: “Ele estava cantando de forma dolorida, então repentinamente, se agachou, parecendo que estava tentando conserta um pedal, mas não acho que seja por isso que ele se agachou. Então ele acenou com a cabeça para alguém da produção que o ajudou a sair do palco. Os paramédicos estavam lá muito rapidamente.

Segundo, Sandra Roberts, assessora de Hughes, ele está bem e descansando, não foi nada serio. Também de acordo com a produção, Hughes ficou uma hora e 45 minutos de suas duas horas de show, quando os paramédicos o ajudaram.

Saiba mais:
Glenn Hughes fez parte do Deep Purple entre 1973 e 1976, decidindo os vocais com David Coverdale, substituindo também, o baixista, Roger Glover, na época. Hughes passou anos se dedicando a sua carreira solo, que transitou pelo funk, soul e rock, e está trabalhando com o Black Country Communion. Em 22 de setembro lançou, BCCIV, e embarcou em uma turnê tocando somente as musicas de sua época de Deep Purple. Hughes foi homenageado, sendo incluído no Rock and Roll Hall of Fame, em 2016 como membro da Deep Purple