Em 2021, o cantor Dez Rocket lançou o primeiro álbum autointitulado. O trabalho independente trazia dez músicas e mostra um estilo descontraído do norte-americano. Meses se passaram e o artista apareceu em 2022 com o segundo disco “Boo Shaboo II”. Neste caso, confere-se uma pegada mais rock’n’roll com guitarras mais pesadas. Agora, em junho, o extrovertido artista ressurge com o single “Take On The World”, desbravando terreno para aplicar suas ideias no mundo da música. Sobre isso, é preciso dizer que Rocket é um músico polivalente, pois além de compor o cara também toca guitarra, baixo e sintetizador. A bateria, no entanto, foi gravada por Mike Bertolino.

Espirituoso, o cantor é adepto dos encantos e magias da natureza, pois se autodenomina como alquimista espiritual e transmutacionalista. Portanto, acredita na superação do bem sobre coisas malignas. Mas musicalmente falando, que é o nosso foco aqui, estamos falando de uma obra perfeitamente alavancada. Em “Take On The World”, os destaques variam a cada segundo. A começar pela cativante melodia vocal, a música exerce boa influência no bom gosto musical. Os riffs de guitarra por exemplo, embora sejam simples geram alegria. Da mesma forma surgem os arranjos de teclados, que acamam a música com um clima legal.

A música “Take On The World”, pode até receber um pouco de influências dos anos noventa, mas a sua estrutura é bem mais atual. Tecnicamente, quando falamos sobre complexidades, podemos incluir as sessões de baixo deste single, cuja performance nos remete a algo de R&B. Porém, alguma coisa de Genesis e Queen aflora deixando o som bem mais soberbo. Partindo da premissa de que esta música é ótima para dançar nas pistas de rock, podemos dizer que o legado desse gênero está bem representado. Ao contrário do que muito se diz por aí, o rock não morreu.

O curioso é que esta música consegue arrancar de nós sentimentos como nostalgia, mesmo sendo atual. Sua mensagem existencialista, abre os olhos da humanidade sobre os maus tratos de homens ruins ao nosso planeta. Isso pode ser até uma forma de aproximar a música às características místicas do cantor. Dessa forma, temos aqui o resultado que valeu muito a pena. Cuidar de nós e de nossas ações, para produzirmos resultados positivos não custa caro, e se você faz isso, a música de Dez Rocket está aqui para fazer trilha sonora. Por outro lado, se não é capaz de respeitar isso, há um grande vazio em você.

Ouça “Take On The World” pelo Spotify:

Visite o site do artista em:

https://dezrocket.com

Encontre sua banda favorita