Os noruegueses do Airbag, lançam nesse 19 de Junho, o seu quinto e aguardado álbum de estúdio “A Day at the Beach”. O grupo de rock progressivo liderado por Bjørn Riis desde os idos da década de 90 (apesar da formação oficial ser de 2004), demonstra um traço ímpar de imprevisibilidade, mesclando sonoridades do progressivo com a insurgência da eletrônica dos anos 80, juntamente com elementos atmosféricos e da new wave. O resultado instrumental anunciado previamente para os admiradores, causou grande ansiedade. O disco apesar de ter apenas seis canções, como reza a cartilha progressiva, tem uma longa duração. Só o primeiro single “Machines and Men”, tem quase 10 minutos.

A banda de Oslo descreveu uma sensação de realização na narrativa de “A Day at the Beach”, ao abrir espaço a sentimentos de perda e despedida, analisando profundamente os efeitos do desespero individual. É um futuro com o qual nos deparamos nestes momentos de maior incerteza, causados pela pandemia. Promete o Airbag ser a trilha-sonora reflexiva desses tempos!