Roadie Metal Cronologia: Def Leppard – Hysteria (1987)

by Mauro Antunes

Após atingirem o auge sendo aclamados por crítica e público após o ótimo “Pyromania” (1983), o Def Leppard tinha pela frente a complicada missão que seria dar ao público uma sequência desde clássico sem perder a majestade. Isso por si só, já seria muito complicado para qualquer banda que eram de jovens promissores ávidos pelo sucesso.

Em 1984 o Def Leppard iniciou os trabalhos de composição para o sucessor de “Pyromania”. O álbum que estava em elaboração sofreu atrasos e no último trimestre daquele ano, a banda viu-se obrigada a cancelar sua participação na primeira edição do Rock in Rio (1985). Porém, o destino aprontou das suas e no último dia daquele ano, o baterista da banda, Rick Allen, sofreu um violento acidente automobilístico e teve seu braço esquerdo decepado. Para que pudesse continuar na banda, obviamente uma série de adaptações em seu kit de bateria precisou ser feita, e Allen pôde continuar sua jornada.

Isso em conjunto com a ausência do produtor Robert ‘Mutt’ Lange, que era praticamente um sexto integrante da banda, fez com “Hysteria” fosse lançado apenas em 1987. Felizmente, Lange voltou a trabalhar com a banda, já que a intenção de todos, era a de dar a banda a mesma sonoridade Pop do aclamado trabalho anterior, enterrando de vez as raízes Heavy Metal/NWOBHM dos 2 primeiros álbuns.

Se “Pyromania” foi um enorme sucesso com 7 milhões de cópias vendidas, “Hysteria” foi muito mais longe e chegou a marca de 16 milhões, um número astronômico para qualquer banda de Rock. O álbum é simplesmente uma fábrica de hits e nada menos do que 7 clipes foram produzidos para dar ao álbum, o devido e merecido brilho. “Women”, “Rocket” (em versão editada”, “Animal”, “Love Bites”, “Pour Some Sugar on Me”, “Armageddon It” e a faixa título ganharam status de singles e viraram hits.

Faixas como “Animal” e “Armageddon It” apostam nas melodias e refrãos cativantes, “Pour Some Sugar on Me”, “Don’t Shoot Shotgun” e “Excitable” são as que mais se aproximam dos primórdios da banda, ou seja, o lado mais Heavy Metal.

A balada “Love Bites” recebeu uma versão em português da banda Yahoo e foi inclusive tema de novela aqui em nosso país, reforçando ainda mais o apego comercial do Def Leppard. A faixa título também é um dos pontos altos, assim como a também balada “Love and Affection” que fecha o trabalho de mais de 1 hora de duração, algo um tanto quanto incomum às bandas da época. Algumas faixas lado B lançadas em CD Single, foram lançadas posteriormente na compilação “Retro Active” (1993) e a faixa “Tear It Down” foi introduzida no tracklist regular do álbum posterior, “Adrenalize” (1991), faixas que tranquilamente, poderiam estar em “Hysteria”, todas com a cara e nível da banda.

Hysteria foi (e continua sendo) o ponto alto da carreira do Def Leppard, especialmente no lado comercial já que faturou horrores conforme falamos, e a banda conseguiu mostrar ao mundo, a capacidade de se reerguer das cinzas após tudo o que aconteceu. Uma verdadeira mutação sonora transformou o Def Leppard em um dos ícones do Rock/Pop dos anos 80, e que seguem na atividade até hoje, fazendo shows e dando espetáculo. Alguns os amam, outros os odeiam, mas fato é, que a banda cravou seu nome na história e no Hall of Fame com este clássico. Fãs de Hard Rock devem ter esse trabalho em suas cabeceiras para todo o sempre. Ouça!

Love Bites
Hysteria
Def Leppard – Hysteria
Data de lançamento: 03 de agosto de 1987
Gravadora: Mercury Records

Tracklist
01 – Women
02 – Rocket
03 – Animal
04 – Love Bites
05 – Pour Some Sugar on Me
06 – Armageddon It
07 – Gods of War
08 – Don’t Shoot Shotgun
09 – Run Riot
10 – Hysteria
11 – Excitable
12 – Love and Affection

Formação
Joe Elliott – vocal
Steve Clark – guitarras
Phil Collen – guitarras
Rick Savage – baixo, backing vocal
Rick Allen – bateria

  • 9.5/10
    Roadie Metal Cronologia: Def Leppard - Hysteria (1987) - 9.5/10
9.5/10

You may also like

EnglishItalianJapanesePortugueseSpanish