AC/DC: Chris Slade fala sobre quando Axl Rose substituiu Brian Johnson

by Renan Soares

Durante entrevista ao Sonic Perspectives, o baterista Chris Slade falou sobre a sua passagem pelo AC/DC entre 2015 e 2016, onde ele substituiu Phil Rudd, que na época enfrentava problemas na justiça, chegando inclusive a ser preso.

Durante a conversa, Chris citou especificamente sobre a saída de Brian Johnson, que se afastou da banda em meio a turnê do álbum “Rock or Bust” por conta de problemas auditivos. Segundo o baterista, a saída de Brian foi uma surpresa para ele.

Acho que Brian estava fazendo o melhor que poderia. Eu o ouvia tão bem, pois estava usando fones de retorno in-ear. Ele não soava nada parecido com o que ele achava. Porém, claro, ele se sentia mal por não fazer o que considerava o melhor. Fiquei chocado quando ele não estava mais por perto“.

Slade também afirmou que ficou ainda mais surpreso ao saber que Axl Roses, vocalista do Guns n Roses, iria substituir Brian.

Fiquei ainda mais chocado quando falaram que estavam testando Axl Rose. Eu falei: ‘o quê?’. Estava sabendo de todas as notícias. No fim das contas, ele é um dos caras mais legais. Quando começou, eu nem sabia que ele tinha aquela voz toda. Foi fenomenal. E cantava músicas de todas as eras“.

O baterista aproveitou também para elogiar o profissionalismo de Axl, revelando também que o vocalista, famoso por sempre atrasar os shows, nunca se atrasou no AC/DC.

Axl nunca estava atrasado para nada, já que o AC/DC não atrasa nem um segundo, nem um minuto, para começar um show. A banda só se atrasou uma vez em 45 anos, e eu estava na formação. Foi por causa de um problema na guitarra de Angus Young. Até onde sei, eles nunca se atrasaram“.

You may also like

EnglishItalianJapanesePortugueseSpanish