Abril Pro Rock: conheçam as bandas que tocariam no segundo dia

by Renan Soares

Olá headbangers, hoje estamos de volta dando continuidade ao nosso texto especial Abril Pro Rock 2020, que ocorreria nesse fim de semana, mas infelizmente precisou ser adiado por conta da pandemia do coronavírus.

No texto de ontem falamos das bandas que estavam escaladas para tocar no primeiro dia do evento, que ocorreria na sexta-feira (10/04), então seguindo a lógica, hoje falaremos das bandas que iriam compor o cast do segundo dia, que ocorreria hoje.

Então sem mais delongas, comecemos pelo início.

Sun Diamond (PE)

Começando por uma das atrações locais da noite, a Sun Diamond iria subir ao palco do Abril Pro Rock pela primeira vez em seus cinco anos de estrada, apresentando as músicas do seu disco homônimo lançado em 2017, onde nele eles apresentam um Hard Rock com influências do metal melódico.

Confiram seu som:

Coalizão (PB)

Direto da Paraíba, temos a Coalizão, com seu Hardcore rápido, sujo, e altamente politizado, que com certeza iria render boas rodas punks na pista do Baile Perfumado,

Confiram:

Baixo Calão (PA)

Mantendo a pegada rápida, frenética e podre, temos a Baixo Calão, representando a região Norte do país com seu Grindcore de respeito.

No Abril, a banda iria divulgar seu mais recente trabalho intitulado “Necrológio”, lançado em 2019.

E pra vocês verem que a banda não ta na cena pra brincadeira, os mesmos organizaram uma turnê pela Europa para o próximo mês de julho (que até o momento, ainda não foi cancelada).

Confiram:

 Arquivo Morto (PE)

A banda Arquivo Morto é mais uma atração local presente no festival, em atividade desde 2001, o grupo é um dos nomes carimbados nas maiorias dos eventos independentes da cidade, principalmente daqueles voltados ao Hardcore.

O grupo é mais um entre os vários presentes no festival que faz questão de se posicionar em questões políticas e sociais através da força e da brutalidade do seu som.

Confiram:

Surra (SP)

Seguindo com a sequência de porradaria na orelha, direito de São Paulo, temos a Surra, que é uma das bandas que vem conquistando seu espaço no cenário nacional nos últimos tempos com seu “Thrashpunk”.

E imagino que o próprio nome da banda já deixa bem claro o que devemos esperar do som deles, né? Então aperta o play ai embaixo e tente não moshar sozinho em casa.

Hellish War (SP)

Se você já jogou aquele game “Guitar Flash” você provavelmente já ouviu falar nessa banda. Direto de Campinas, a Hellish War tem mais de 20 anos de estrada do mais puro Heavy Metal em sua forma mais tradicional.

No Abril, a banda seria uma quebra na sequência de bandas de metal extremo a qual vim mencionando ao longo do texto, sendo junto com a Sun Diamond, uma das bandas mais melódicas da noite.

A banda viria ao Recife divulgando seu mais recente álbum intitulado “Wine of Gods”, lançado em 2019.

Confiram:

Matanza Inc (SP)

Uma das bandas da casa aqui na Roadie Metal, o Matanza Inc é um daqueles grupos o qual imagino que a grande maioria de vocês devem conhecer, né?

Após o repentino fim da banda em outubro de 2018, em 2019 o Matanza Inc ressurge das cinzas com nova formação, novo nome e lançando o álbum “Crônicas de Postmortem: Um Guia Para Demônios e Espíritos Obsessores”.

O grupo faria sua terceira passagem pelo Abril Pro Rock em geral, sendo a primeira com a nova fase.

Confiram:

Gangrena Gasosa (RJ)

Outra banda já consagrada no cenário nacional, a Gangrena Gasosa havia sido escalada no festival de última hora para suprir o cancelamento da Warwound (ING), que desmarcou sua participação após a banda encerrar as atividades por questões internas.

O grupo carioca se apresentaria pela segunda vez no festival mostrando seu autêntico Saravá Metal, divulgando o seu mais recente álbum “Gente Ruim Só Manda Lembrança Para Quem Não Presta”, de 2018, e as músicas “Coió” e “Kizila”, lançadas em fevereiro.

Confiram, e SARAVÁ:

Nervosa (SP)

Sinceramente, essa banda em questão dispensa maiores apresentações, né?

Podemos dizer que atualmente, a Nervosa está no top 5 das bandas mais relevantes do metal nacional, junto com nomes como o Sepultura, o Angra e Krisiun, sendo assim, com certeza as garotas eram um dos nomes de mais peso no festival, ainda mais considerando o fato delas estarem escaladas no Wacken Open Air desse ano (que até o momento, ainda está mantido).

Ouçam um pouco desse som insano:

Lock Up (ING)

Fechamos o line-up com a atração gringa da noite, se tratando essa da Lock Up, originária da Inglaterra, com seu Grindcore cru e frenético, mostrando que na edição desse ano do Abril Pro Rock o estilo iria receber bastante prestígio.

Confiram:

Sendo assim, encerramos aqui nosso especial Abril Pro Rock 2020, certamente não irá suprir o vazio que o evento está deixando, mas esse o mínimo que pode ser feito para podermos sentir um pouco do gosto do festival.

No mais, nos resta agora aguardar que a poeira baixe para que a produção possa marcar as novas datas do evento, para que finalmente possamos bater-cabeça e moshar juntos como se não houvesse amanhã.

You may also like

EnglishItalianJapanesePortugueseSpanish