Suicide Silence: Banda solta teaser enigmático em suas redes sociais

by João Lucas

No mês passado, noticiamos nesse post que o ícone do deathcore americano, Suicide Silence, estava com novo álbum pronto e, ao que tudo indica, este álbum será lançado em 2020.

No entanto, ao que parece, a banda não manterá o material guardado por completo até 2020, já que hoje soltaram em seu instagram oficial um teaser do que poderia ser o primeiro videoclipe do álbum novo.

Post original da banda em seu instagram

O teaser parece ser de algo muito bem produzido, de qualidade cinemática, mas (infelizmente) não é muito informativo. São várias cenas que lembram filmes de terror, incluindo sangue, afogamento e fogo, e ao final, a logo da banda, seguida da frase “Coming soon” (“em breve”), mesma da legenda do post.

Porém, pelas hashtags do post podemos criar algumas hipóteses. Reparemos nas duas últimas hashtags: a segunda é #BecomeTheHunter, que pode ser o nome do álbum novo ou o nome do single ao qual o vídeo está ligado. Em seguida, #SS2020, que já havia aparecido no outro post que noticiamos, confirmando que a banda prevê lançamento em 2020, 3 anos após o fracassado “Suicide Silence”, alvo de inúmeras críticas e memes pela internet.
Apesar da #SS2020, não espera-se que a banda vá ficar 2 meses criando hype em cima de um novo material, a não ser que o lançamento ocorra logo em Janeiro. Com este teaser, podemos prever que recebamos um clipe em meados de Dezembro e possivelmente uma data oficial de lançamento.

De qualquer forma, não há como termos informações conclusivas ainda, somente nos restando esperar.
A banda planeja, paralelamente, para este mês ainda, o lançamento de um DVD/Blu-Ray chamado “Live Life Hard”, com gravações nunca antes vistas da banda e, sobretudo, do vocalista Mitch Lucker, que neste ano completou 7 anos de falecimento.

Os últimos lançamentos do Suicide Silence têm sido um pouco turbulentos, no que diz respeito a materiais novos. Após o álbum “Suicide Silence”, o qual já comentamos, o único material novo da banda foi a música “Subhuman”, parte da trilha sonora do jogo Devil May Cry 5, que, apesar de ser uma boa música, foi lançada com um clipe no youtube no final de 2018 onde apresentava um estado péssimo de mixagem, em que era muito difícil de escutar os vocais. O vídeo foi inclusive criticado pelo youtuber e músico Jared Dines, responsável pela avalanche de memes em torno da música “Doris”. Pouco tempo depois, foi revelado que a Capcom, responsável pelo jogo, ia mudar os vocais de Eddie Hermida para os de Michael Barr, devido às acusações de assédio em torno do músico na época.
Desde então, a banda tem apostado na nostalgia para manter-se relevante, tendo lançado um álbum live chamado “Live and Mental”, que não conta com nenhuma performance do álbum de 2017, só de grandes clássicos e também a coletânea “Rare Ass Shit”, que conta com músicas das demos da banda e de seu primeiro EP que nunca foram lançadas em nenhum álbum, incluindo músicas que continham vocais de Tanner Warmack, que dividia o microfone com Mitch Lucker, somente até a primeira apresentação da banda, além de versões demo e pré-produzidas de músicas famosas do álbum “The Cleansing”, totalizando 27 faixas.

Esperamos que a banda consiga se reerguer e lançar novos materiais com Hermida no nível do álbum “You Can’t Stop Me” de 2015, que foi uma ótima impressão do vocalista no Suicide Silence. Ficamos no aguardo de Become The Hunter, seja o que for!

Lembrando ainda que o Suicide Silence passa pelo Brasil neste mês, dia 23, para show único em São Paulo durante sua passagem pela América Latina. O show acontecerá na The House.

You may also like

EnglishItalianJapanesePortugueseSpanish