Roadie Metal Cronologia: Carcass – Symphonies of Sickness (1989)

by Jéssica Alves
Carcass Symphonies of Sickness

O Carcass há mais de 30 anos mostra o porque se destacou no metal, com o seu goregrind. E em Symphonies of Sickness, de 1989, a banda mostra uma evolução no som, tanto na qualidade da produção do disco, como da evolução brutal na técnica musical dos integrantes.

E este álbum não apenas mostrou a banda misturando algumas influências tradicionais do death metal, mas também o seu passo como único com seus compositores inovadores, o guitarrista Bill Steer e o baterista Ken Owen. Ambos evoluindo especialmente para criar um excelente álbum, praticamente reinventando seu estilo de tocar.

A faixa inicial, “Reek Of Putrefaction” começa com riffs pesadíssimos, em um death metal com letras grotescas, combinando perfeitamente para a fúnebre atmosfera presente nesta obra.

“Exhume To Consume” tem destaque para um solo agradável que muda completamente o clima, indo na contramão do rótulo de que grind é um estilo simplista. Acompanhando dos pesados guturais de Jeffrey Walker e riffs brutais, se torna uma faixa e tanto.

“Excoriating Abdominal Emanation” apresenta uma violenta bateria, que parece uma metralhadora, se destacando junto com os vocais intercalados por Steer e Walker. Em “Ruptured In Perulence” inicia com a bateria de Ken Owen introduzindo de maneira calma, seguida com com riffs pausados e cadenciados, a música cresce aos poucos, chegando ao peso que já conhecemos, mesmo que sem grandes variações.

No lado B, o álbum se destaca com  “Embryonic Necropsy and Devourment”, que varia em momentos contidos e mais lentos, mas não menos pesados. Há também o peso insano do goregrind, “Slash Dementia” e finalizando, “Crepitating Bowel Erosion” de maneira violenta e brutal (não há palavra melhor para definir), acertando em cheio o som do Carcass que agrada os fãs.

Assim, Symphonies of Sickness mostra que o Carcass são reis quando se trata dessa cultura do peso musical. Variando um grindcore e death metal, a banda nunca deixa de surpreender. Certamente um dos melhores do estilo.

Carcass – Symphonies of Sickness
Data de lançamento: 04 de novembro de 1989
Gravadora: Earache Records

Faixas

01. Reek of Putrefaction
02. Exhume to Consume
03. Excoriating Abdominal Emanation
04. Ruptured in Purulence
05. Empathological Necroticism
06. Embryonic Necropsy and Devourment
07. Swarming Vulgar Mass of Infected Virulency
08. Cadaveric Incubator of Endo Parasites
09. Slash Dementia
10. Crepitating Bowel Erosion

Membros

Ken Owen – vocal e bateria
Jeffrey Walker – vocal e baixo
Bill Steer – vocal e guitarra

You may also like

EnglishItalianJapanesePortugueseSpanish