Resenha: Attanos – Renewal (2018)

by Alexandre Temoteo

Não é de hoje que venho apontando o seguinte detalhe. A cena Metal brasileira vive um de seus melhores momentos. E há cerca de três anos depois que me tornei redator da Roadie Metal, pude ser uma testemunha ainda mais ocular. Nesse meio tempo, tive acesso a centenas e centenas de bandas, e é claro e notório a qualidade das mesmas em todas as vertentes do Metal, inclusive no Metalcore. A Attanos é um exemplo disso.

A banda surgiu no ano de 2012, na cidade de Jundiaí, inicialmente como uma banda cover. No currículo, dois EP’s (Attanos – 2013 e Chuva de Cinzas – 2015). Eis que em 2017 a turma resolve dar um importante passo. A gravação do primeiro álbum.

Lançado pela MS Metal Records, “Renewal” traz uma banda executando um som forte, coeso e acima de tudo regular. A Attanos não está “inventando a roda” dentro do estilo, mas o faz com excelência, calçado numa produção bem acima da média, se levarmos em conta que se trata de um primeiro álbum. As dez faixas trazem a proposta de serem rápidas e diretas. Contudo, daria um destaque especial para “Pride and Selfishness”, que traz um peso absurdo, beirando o Death Metal.

Para a galera, meus sinceros parabéns pela qualidade sonora aqui apresentada, e a certeza de que estão no caminho certo. Continuem assim, pois certamente grandes frutos serão colhidos no futuro.

Nota: 8,0

Formação:

Tiago Henrique (vocais)
Marcio Pacheco (guitarras)
Michael Rocha (baixo)
Fernando Arouche (bateria)

Track List:

Species
Resignation
Pride and Selfishness
Breath Again
Choices
Sunset
Innocence Voices
After Midnight
The Beauty
Renewal

You may also like

EnglishItalianJapanesePortugueseSpanish