Câmera, Luz, Metal!: Ozzy Osbourne – Dreamer

by Anderson Frota

A passagem do guitarrista Joe Holmes, pela banda de Ozzy Osbourne, não deixou nenhum grande legado para o futuro. Ele chegou a co-escrever algumas faixas para o que viria a ser o álbum “Down To Earth”, de 2001, mas, no momento de gravar, o fiel escudeiro Zakk Wylde foi convocado para a missão. Junto com Robert Trujillo (ex-Suicidal Tendencies) e Mike Bordin, durante a fase em que o Faith No More estava inativo, o trio sedimentou uma formação sólida e eclética para prestar suporte ao icônico vocalista.

O álbum recebeu duras críticas e não acrescentou nenhum número antológico ao repertório de Ozzy, mas a balada “Dreamer” ainda é bastante lembrada. Sua composição foi uma parceria de Ozzy com o hitmaker Marti Frederiksen – responsável por alguns sucessos do Aerosmith, Scorpions e Def Leppard – e com o guitarrista Mick Jones, do Foreigner. A letra tem um teor de otimismo melancólico que justifica a sobriedade do vídeo promocional que foi criado.

Em 2001, Rob Zombie ainda não tinha lançado “A Casa dos 1000 Corpos”, filme que iria colocar o seu nome no mapa dos diretores de terror mais importantes da atual geração, mas desde 1995 que ele assumia a direção dos clips do White Zombie e, posteriormente, de sua carreira solo. “Dreamer” é um trabalho bem básico, considerando o estilo que Rob possui. Não há grandes desafios de desenvolvimento, mas merece elogios pela qualidade de sua fotografia. As cenas com paleta de cores mais quentes e alaranjadas são aquelas onde a banda surge tocando, todos sentados em uma sala atapetada. Trujillo empunha um baixo de cinco cordas, enquanto Zakk exibe o seu famoso modelo Gibson Bullseye.

Já as sequências frias e azuladas são as que mostram Ozzy caminhando no meio de uma floresta, enquanto está nevando. Nessas partes, há várias crianças brincando, todas vestidas de preto, combinando com os trajes de uma orquestra que pode ser notada ao fundo. A qualidade do figurino utilizado por toda a equipe deve ser creditada à estilista Bea Akerlund, que também criou os trajes para o video de “Gets Me Through”, do mesmo disco, e já participou de produções para artistas como Madonna, Lady Gaga, Paul McCartney e Robbie Williams.

Dentro da visão da maioria dos críticos e dos fãs, “No More Tears” é considerado o ultimo grande trabalho de Ozzy. O que veio depois, alterna algumas poucas composições de maior relevância, com algum tanto de material que complemente o tempo de um disco. Quase tudo irá para o escanteio dos setlists, em detrimento da tonelada de clássicos obrigatórios que não podem ser deixados de lado. Mas, mesmo que não estejam nos shows, há aquelas canções que permanecerão na memória de uma audiência fiel e desapegada da opinião de terceiros sobre o que é um clássico ou não. “Dreamer” é uma dessas tantas canções que teimam em não ser esquecidas.

You may also like

EnglishItalianJapanesePortugueseSpanish