Black Veil Brides: banda regrava 1º disco que comemora 10 anos de lançamento

by Giovani R. Turazi

O Black Veil Brides está comemorando o 10º aniversário de seu primeiro álbum,  ‘We Stitch These Wounds , lançando uma versão regravada,  ‘Re-Stitch These Wounds’,  que estará disponível sexta-feira, 31 de julho. O vocalista Andy Biersack se juntou a Toni Gonzalez, apresentador do programa Loudwire Nights, para discutir as intenções da banda em fazer o álbum e quais são as diferenças entre as versões.

Fazer um álbum não é uma tarefa simples, e o Black Veil Brides já estão trabalhando no seguimento de ‘Vale’ de 2018 mas Biersack esclareceu o método para sua loucura. Quando a banda começou a trabalhar em  ‘We Stitch These Wounds’,  eles assinaram contrato com uma gravadora menor e, portanto, tinham um orçamento baixo.

“Nesse primeiro disco, estávamos gravando no que é tradicionalmente um ‘estúdio de jingle’, onde eles gravam jingles comerciais. Estúdio muito pequeno no vale de Los Angeles”, explicou Biersack.

“Não tínhamos orçamento para ter situações adequadas de um dia em que pudéssemos pagar aos engenheiros, por isso gravávamos entre as 11h e as 3h da manhã em que esses engenheiros tinham folga”, acrescentou. “Do começo ao fim, era apenas mais ambição do que atualização quando se tratava de registro”.

Por essas razões, concluiu o cantor, o álbum simplesmente não soava como a banda queria quando ouvia o produto final. No entanto, o álbum ainda encontrou sucesso e uma audiência, e o Black Veil Brides acabou por assinar com uma grande gravadora.

Biersack admitiu que dentro de três anos do lançamento de sua estréia, eles pensaram em regravá-lo, mas seu antigo selo não estava interessado em lançar a mesma música novamente, então eles tiveram que esperar até que o contrato lhes permitisse. O lançamento de uma nova versão do álbum para comemorar seu 10º aniversário parecia o próximo passo lógico para os caras, então eles colocaram o projeto em espera.

“Foi assim que pretendíamos que o disco soasse há 10 anos. E para o bem ou para o mal, é isso que gostaríamos que ele fosse”, entusiasmou o vocalista, acrescentando que não pretende ofuscar ou substituir o primeiro álbum.

Quanto às diferenças entre a versão original e a nova, Biersack enfatizou que seu próprio poder vocal se fortaleceu muito desde que ele gravou o álbum inicial aos 18 anos de idade, e que a banda também melhorou sua execução.

Para ouvir mais sobre  Re-Stitch These Wounds,  o próximo álbum de estúdio de Black Veil Brides assista o Teaser abaixo:

You may also like

EnglishItalianJapanesePortugueseSpanish